O escritório do futuro

A natureza mutável do trabalho está impulsionando a transformação dos espaços de trabalho, desde o local onde as tarefas atribuídas foram concluídas sob supervisão direta para espaços intencionais onde a colaboração e o envolvimento impulsionam a inovação e a produtividade. A transformação digital oferece mais possibilidades do que estavam disponíveis para as gerações anteriores e, ainda assim, conforme as organizações se esforçam para incentivar a colaboração, melhorar o engajamento e reter os melhores talentos, elas podem descobrir que a resposta não está em outro aplicativo, mas em seu espaço físico.

Repensando os espaços de escritórios para o modelo de trabalho de hoje em dia

Lá se foram os dias de bater ponto, trabalhar, ir para casa, repetir. Hoje, o trabalho é flexível e colaborativo e cada vez mais criativo. Considere tendências como trabalho remoto, videoconferência, computação em nuvem e outras interrupções inovadoras que afetam os espaços físicos. As organizações estão se afastando dos ambientes de escritório tradicionais em direção a espaços que refletem como realmente trabalhamos e vivemos.

A grande questão é como as pessoas trabalham e como elas interagem entre si. Os espaços de trabalho não são mais sobre cubículos cheios de mesas com pessoas trabalhando em seus computadores. Não se trata de ter pessoas no escritório, mas de ter pessoas interagindo de maneiras diferentes, dependendo do de trabalho que estão fazendo.

O ideal é criar um local projetado com propósito, onde as pessoas sejam objetivas sobre como esse espaço vai lhes servir, o que vai entregar e para que se destina. Às vezes, as organizações se atrapalham quando a motivação inicial é sobre corte de custos, consolidação imobiliária e coisas do tipo. Portanto, se for dessa perspectiva, nem sempre obterá necessariamente o resultado certo.

Pense em como você trabalha em casa: você pode acordar de manhã, pegar uma xícara de café, começar a enviar alguns e-mails na cozinha, então talvez você pegue seu notebook e vá para a mesa da sala de jantar, e talvez você caminhe enquanto você faz uma chamada em conferência.

As pessoas estão começando a perceber que precisamos ter diferentes infraestruturas, diferentes espaços dentro do mesmo plano de escritório aberto para realmente fazer todas as nossas atividades, porque nós não fazemos a mesma coisa durante todo o dia. Há partes do nosso dia em que precisamos ir a um espaço para nos concentrar, há partes do dia em que você realmente fica feliz em sair com os colegas. E há momentos em que você realmente precisa ter um momento para si mesmo.

Se as pessoas quiserem trabalhar em seu escritório com o resto de seus colegas de equipe, em uma mesa de tamanho normal ou em uma cadeira de escritório realmente confortável, elas podem fazer isso. E caso a equipe queira trabalhar em um ambiente de sala de descanso, em um café, em uma cozinha, em uma sala de ‘brainstorming’ ativa ou em um espaço de reunião.

Ambientes de trabalho em evolução

Como são esses ambientes emergentes? A característica comum é a flexibilidade, e os próprios espaços assumem diversas formas.

O escritório aberto

Com o crescente reconhecimento de que as hierarquias e o pensamento isolado inibem a inovação e a agilidade, organizações estão trocando os escritórios privados em favor de espaços de trabalho abertos.

Há muito a ser dito sobre ter a abordagem muito menos hierárquica que você obtém de um escritório mais aberto, onde os chefes se sentam com todos com quem estão trabalhando, onde as equipes de projeto podem simplesmente se virar e ter conversas rápidas, onde é fácil perceber algo que está acontecendo do outro lado do escritório e poder contribuir.

Bairros

À primeira vista, um espaço de trabalho de bairro de escritórios se parece com um escritório de plano aberto. Mas há mais do que aparenta. Bairro de escritório é uma forma de organizar seu local de trabalho de forma que as pessoas que precisam trabalhar umas com as outras, ou têm necessidades semelhantes se sentem juntas. Possui áreas dedicadas a diferentes grupos — ou comunidades — de funcionários.

Ao reunir uma comunidade, você pode garantir que eles tenham acesso às pessoas, compartilhem das mesmas ideias e acesso às comodidades de que precisam para aproveitar ao máximo seu tempo no escritório.

Trabalho baseado em atividades

A abordagem de trabalho baseado em atividades reconhece que as pessoas realizam diferentes atividades em seu trabalho diário, portanto, precisam de uma variedade de ambientes apoiados pela tecnologia e cultura certas para realizar tarefas de forma eficaz.

Ao criar um ambiente de trabalho baseado neste princípio, os espaços são projetados especificamente para atender às necessidades físicas e virtuais de indivíduos e equipes. Mais importante ainda, a forte ênfase na criação de uma cultura de conexão, inspiração, responsabilidade e confiança capacita indivíduos, equipes e a organização a desempenharem seu potencial. Em outras palavras, o modelo baseado em atividades transforma o trabalho em algo que você se sente empoderado a fazer, em vez de em um lugar onde você precisa estar.

Co-working

Coworking é uma nova forma de pensar o ambiente de trabalho. Seguindo as tendências do freelancing e das start-ups, os coworkings reúnem diariamente milhares de pessoas a fim de trabalhar em um ambiente inspirador.

Essa união de pessoas permite que mais e mais escritórios se espalhem pelo país. No Brasil, contam-se mais de 100 espaços. No mundo todo, estima-se que já existam mais de 4.000 espaços em funcionamento.

No co-working, você encontra ambientes especialmente pensados para o trabalho autônomo e muito networking com pessoas de diversas áreas.

Todo esse êxito é produto de uma ideia simples: profissionais independentes que procuram um espaço democrático em que possam desenvolver seus projetos sem o isolamento do home office ou as distrações de espaços públicos.

No co-working, você encontra ambientes especialmente pensados para o trabalho autônomo, muito networking com pessoas de diversas áreas e toda a estrutura para receber seus clientes.

Hot-desking

O hot-desking é um sistema de mesas compartilhadas de espaço de trabalho onde as mesas são usadas por pessoas diferentes em momentos diferentes e de maneira pontual. Normalmente, o objetivo é maximizar a eficiência do espaço e diminuir o risco imobiliário, reduzindo o espaço de escritório supérfluo. É possível implementar mesas compartilhadas em escritórios privativos e em espaços de co-working. A flexibilidade associada às mesas compartilhadas é frequentemente associada a um aumento na inovação do funcionário, enquanto o aspecto social é citado como uma forma de incentivar a colaboração interdisciplinar. 

Resultados

Esses espaços de trabalho intencionais, flexíveis e digitalizados estão afetando a inovação, a colaboração, a cultura da empresa, o engajamento e retenção de funcionários e até a sustentabilidade.

Não apenas a variedade, mas a liberdade de trabalhar onde e quando for mais eficaz, é um fator-chave de desempenho para os trabalhadores não só no Brasil, mas em todo o mundo. Funcionários que avaliam muito suas organizações em medidas de inovação também relatam ter mais opções e usar uma variedade de espaços para realizar seu trabalho.

Independentemente do projeto que uma organização escolha (ou crie), a transformação de um espaço de trabalho começa bem antes de os arquitetos e designers começarem seus desenhos. 

É necessário um processo prático em que as vozes sejam ouvidas e as pessoas tenham a oportunidade de influenciar e moldar esse espaço, da maneira como enxergam o futuro do negócio.

Se você não estiver mais preso à sua mesa, poderá encontrar locais adequados no mesmo escritório de plano aberto que sejam mais adequados às suas necessidades. Arquitetos estão dando ênfase maior no design desses espaços, com requisitos como acesso à luz do dia, acesso a um ambiente externo e integração com a natureza, aspectos de design biofílico, etc. Não é uma tendência, veio para ficar. E isso tem um impacto positivo na percepção das pessoas sobre o seu espaço.

O que estamos vendo é uma mudança fundamental. Como a tecnologia permite que as pessoas trabalhem em qualquer lugar, as pessoas terão de ter cada vez mais razões realmente excelentes para trabalhar diariamente.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Posts Recentes

Inscreva-se em nossa newsletter